Bem-vindx ao blog do Doguinho!



Olá! Meu nome é Doguinho e esse é um blog destinado à classe canina. Você, cãozinho incompreendido e confuso com a postura e as atitudes da sua família; você, tutor impulsivo, impaciente e desesperado; esse blog é para ajudá-los a ter uma relação mais saudável e prazerosa, com muitas informações e dicas!


Ainda novinho eu ganhei uma família que queria muito um cãozinho, mas não tinha muita experiência e conhecimento para iniciar um convívio saudável. Lá fui eu conhecer a minha nova casa e a minha nova matilha. :)


Como todo filhote, eu tinha alguns comportamentos que os deixavam bravos e incomodados... caramba, sou um filhotinho ainda e não nasci sabendo tudo, concorda comigo? Eu fazia muito xixi em todos os lugares, mordia tudo que via pela frente a também chorava e latia muito. :(


Foi aí que os meus tutores resolveram chamar um tio especialista em comportamento canino para me educar e ensinar um monte de coisas novas!


Quando o profe chegou, disse que grande parte dos contatos que os adestradores recebem, em termos de comportamento, é em relação a como adaptar um filhote em um novo lar. Esse é um momento de muita alegria para a família, mas para que a adaptação seja saudável, todos devem ter muita responsabilidade, disciplina e paciência.


Ele disse também que adotar um filhote é como a chegada de um bebê humano, que precisará comer, beber, tomar banho, fazer suas necessidades e tudo mais. E, que por mais amorosos que o tutores sejam, o cãozinho precisa passar por um processo de adaptação.


O profe deu uma dica muito legal, que é separar algum objeto que esteve junto com a ninhada para que possa ajudar na hora de adaptar o cãozinho à sua nova família.


E continuou dizendo que todo comportamento que um animal apresenta é um comportamento natural instintivo, porém, em condições desfavoráveis para que ele expresse seus comportamentos naturais e suas necessidades básicas fisiológicas, físicas e mentais, esses comportamentos podem se tornar um problema.

A maioria das pessoas compra ou adota um cão por impulso, sem antes conhecer o comportamento da espécie ou para que a raça foi desenvolvida. Muitas vezes os tutores humanizam e tratam o cão como uma criança, e ainda querem que este se mantenha limpo, em silêncio, e que aprenda tudo por “telepatia”.


Os próprios problemas de comportamento de um cão dizem muito sobre as necessidades dele e devem ser observado com cuidado para entender seu verdadeiro motivo.


E olha que legal, ele disse que os problemas comportamentais têm três origens: conflito, frustração e medo.


Um mau comportamento é apenas um sintoma de uma das três causas acima. Consequentemente, apenas tratá-lo isoladamente não resolverá o problema na origem.


O comportamento que desagrada o tutor pode desaparecer, mas logo o cão encontrará uma nova válvula de escape para extravasar a frustração e/ou o conflito, gerando um novo comportamento nocivo, algumas vezes pior que o anterior.


Geralmente os gatilhos dos problemas comportamentais são: genética, falta de socialização, experiências negativas, hormônios, excesso de humanização, recompensa involuntária, falta de liderança e energia acumulada.


Entender completamente os problemas mais comuns do comportamento dos cães é o primeiro passo para a resolução e a prevenção. É possível distinguir os comportamentos normais dos cães daqueles que são uma consequência de uma doença ou de algum tipo de distúrbio.


Quanta informação legal né? E olha que tudo isso foi antes mesmo de eu interagir com o meu profe! Acompanhe os próximos capítulos e deixe o seu comentário; quero conversar para melhorar o convívio entre você e seu doguinho.

Se o seu doguinho também apresenta problemas comportamentais e você precisa de ajuda profissional, entre em contato com a gente. Atendemos presencialmente em Santo André e São Bernardo do Campo (SP) e online para qualquer lugar do mundo. Confira a nossa página de Serviços para mais informações.


Quer saber mais sobre adestramento e comportamento canino? Confira a seção Cursos do nosso site e faça a sua matrícula. Os cursos são online, com certificado, com suporte online integral realizado por um especialista em comportamento canino, e são teóricos (texto, imagens e infográficos), de forma que você pode ler e consultar conforme a sua disponibilidade.

Posts Relacionados

Ver tudo